segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Livro: P.S. eu te amo






Título original: P.S. I love you
Autora: Cecelia Ahern
Editora: Novo Conceito
Páginas: 368
Assunto: Romance


Holly e Gerry se conheceram na juventude, inseparáveis a relação entre eles era baseada em amor, companheirismo e amizade verdadeira. 

Uma dor de cabeça leva Gerry a fazer exames onde um tumor é detectado, rapidamente ele definha e morre, deixando ela em meio ao desespero com um grande vazio em seu coração.

Viúva, sem perspectiva profissional, com seu trigésimo aniversário batendo à porta, ela se aprisiona em seu sofrimento, nada nem ninguém consegue alcança-la em meio sua alto piedade.
"Quando era mais jovem, os trinta pareciam tão distantes... Achava que uma mulher dessa idade sera muito sábia e inteligente, teria a vida estabelecida, com um marido, filhos e uma carreira. Ela não não possuía nenhuma dessas coisas. Ainda se sentia tão perdida quanto aos vinte, somente com uns poucos cabelos brancos e mais pés-de-galinha ao redor dos olhos."

Depois de passar um mês lastimável, Holly decide buscar na casa de sua mãe o envelope que a mesma insistiu para que ela buscasse. Quando ela se depara com "A lista", pequenos bilhetes deixados por Gerry que a ajudaria passar pelo momento mais difícil de sua vida.


Com o empurrãozinho dele, pouco a pouco Holly vai sobrevivendo, mas Dezembro se aproxima e as cartas dele não vão durar para sempre.
"P.s. Prometi que faria uma lista, então aqui está. Os próximos envelopes devem ser abertos exatamente no mês certo. Obedeça. E lembre-se de que estou cuidando de você, por isso vou saber..."
Narrado em terceira pessoa o livro relata o sofrimento da perda e a superação da protagonista com leveza. Os diversos tipos de amor citados são descritos de maneira dinâmica, mostrando a importância de amigos e familiares em nossas vidas.

A história tem momentos emocionantes outros descontraídos, mesmo com sua morte Gerry tem participação intensa no livro, suas atitudes do passado influenciam diretamente em quem Holly se tornará. Os acontecimentos te coloca próximo aos personagens, assim como um amigo você passa a torcer pelo final feliz.
  

P.S. Deixe um comentário...

2 comentários:

  1. Não tenho coragem de ler esse livro. Odeio livros com pessoas doentes ou de pessoas que estão sofrendo por pessoas que morreram. Sério, isso acaba comigo!
    Sem contar que fui assistir a porra do filme, e essa é uma das condições para não conseguir ler o livro. Saco!
    Ainda não li nada da autora, apesar de ficar coçando todas as vezes que a editora publica algo dela. Sempre esqueço de colocar nas minhas compras.
    Então é isso... Vou ali me esconder porque ainda não li nada dela! kkkk

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Livros assim geralmente são tristes, mas você precisa ler esse amiga, é totalmente diferente do filme!
      Também não tinha lido nada da autora, pretendo ler outros, vamos fazer um esforço para não precisar nos esconder. rs
      Beijinhos

      Excluir

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".