segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Livro: Se eu ficar #1




Título original: If I stay
Autora: Gayle Forman
Editora: Novo Conceito
Páginas: 224
Assunto: Romance


Aos 17 anos, Mia sente-se desajustada, o único fator, ao seu ponto de vista, que garante ser parte de sua própria família é o amor pela música.

Primogênita, sente sobre os ombros o fardo de ter escolhido o tipo de múcica "errado", filha de um casal apaixonado por Rock, Mia aos seis anos mostrou vocação para tocar violoncelo, declarando oficialmente seu amor à Beethoven.

As duvidas de Mia giram em torno de como será sua vida com a chegada do dia de partir para Juilliard School, que só dificultara os encontros com seu namorado Adam, guitarrista e vocalista da Shooting Star, uma banda de rock em ascensão.
"As vezes você faz escolhas na vida e outras, as escolhas vêm até você."

Em um dia normal de passeio em família, após a rotineira briga sobre o que ouvir no rádio, uma tragédia muda para sempre a vida daquelas pessoas. 


Ao se levantar Mia encontra sua família morta, não tarda a chegada dos paramédicos, agora resta a ela tomar uma decisão de vida ou morte.

"Gostaria de poder dormir. Gostaria que houvesse algum tipo de anestesia para mim, ou pelo menos algo que fizesse o meu mundo se calar. Quero ser como o meu corpo, calado e sem vida, posto nas mãos de outra pessoa. Não tenho energia para essa decisão. Não quero mais isso."

Narrado em primeira pessoa o livro oscila entre a estadia de Mia ao hospital e os flashbacks de seu convívio com a família e o namorado. Com uma escrita reflexiva a história nos mostra a importância de nossas escolhas.

A luta que a garota trava entre sair ou não do coma pode não ser apreciada por todos os leitores, porém é sem duvida algo para fazer todos pensarem, muitas vezes não valorizamos o que temos, deixamos sempre para depois esquecendo que o futuro não está em nossas mãos.


"Percebo agora que morrer é fácil. Viver é difícil."

2 comentários:

  1. Oi,Aline!
    Adorei a resenha,sempre tive vontade de ler este livro, porém ainda não tive oportunidade. Amei o jeito que resenhou, sem nos contar tudo, o quenos dar um gostinho de quero mais... Gostou muito de narrações em primeira pessoa. Gostei muito da Mia e Adam, amei o filme e acho vou gostar muito do livro. Obrigada pela resenha. Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Rosiane, obrigada pelo carinho, o livro foi uma surpresa agradável pra mim, o filme (que assiste depois da leitura) me emocionou da mesma maneira, espero que você faça a leitura e goste tanto quanto eu.

      Obrigada pela visita!
      Beijinhos

      Excluir

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".