segunda-feira, 4 de maio de 2015

Livro: Bela maldade



Título original: Beautiful malice
Autora: Rebeca James
Editora: Intrínseca
Páginas: 302
Assunto: Thriller psicológico


Katherine precisava recomeçar, morar com a tia em outra cidade parecia ser um novo começo perfeito, novos horizontes, longe dos olhares acusadores, tudo que ela precisava.

Com seu novo sobrenome ela só precisava manter descrição, tudo sairia bem, Katie agora não existia mais, ela e todos os problemas ficaram no passado, a nova Katherine teria um destino melhor, uma vida feliz, se os fantasmas do passado continuassem onde eles pertenciam.


"A felicidade é um sentimento tão difícil de quantificar. Há momentos em que sou feliz, certamente. (...) momentos em que consigo esquecer completamente o passado e desfrutar o presente. Mas há um peso em mim, uma tristeza profunda, um sentimento de decepção com os caprichos da vida, que é difícil sacudir, difícil ignorar..."


Logo sua vida ganha novas perspectivas, inesperadamente surge em seu caminho Alice, jovial, alegre, capaz de tornar o dia mais sombrio em uma esplendorosa manhã de sol.

Ela fica deslumbrada com a nova amiga, sente que finalmente encontrou a tão sonhada alegria, por conseguinte conhece também Robbie, um jovem sensato que perde toda coerência na presença Alice. Assim os três tornam-se inseparáveis.

Mas algo começa a ficar muito estranho aos olhos de Katie, as atitudes de Alice muitas vezes são para ferir, aparentemente a garota não importa em maltratar e humilhar as pessoas, estaria ela mudando o pensamento para com a amiga ou só estaria enxergando agora todo o potencial maléfico da garota? 


"... eu quis dizer foi que se você vê um sentimento mau em si mesmo, não gosta dele e tenta não senti-lo, então isso é bom. Ninguém é de fato inteiramente bom. Pelo menos é o que eu acho. Tentar ser bom, ou ao menos tentar não ser mau, provavelmente é o mais perto que conseguimos chegar."


O livro é dividido em três tempos da vida de Katherine: passado que ela tenta esquecer, convivência com Alice e sua vida atual.

Logo na primeira página podemos notar o tamanho do estrago deixado por Alice, todo rancor que a protagonista sente são logo expostos, porém posso garantir que jamais imaginei uma mente tão perversa.

Com uma leitura fluida, a história não pode ser classificada como uma simples briga entre adolescentes, a trama bem elaborada vai além. A forma com que foi narrado deixa o leitor simplesmente aflito por respostas, passado e futuro se mesclam deixando evidente como nossas escolhas podem nos assombrar por toda uma vida.

"... só consigo olhar para os olhos de Alice. Eles são frios, avaliadores, e as pupilas, tão dilatadas, que tudo o que posso ver é escuridão. Dura e inflexível. Profunda. Implacável. Ali, só há trevas."


0 comentários:

Postar um comentário

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".