segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Livro: Asylum #1




Título original: Asylum
Autora: Madeleine Roux
Editora: Vergara & Riba (V&R)
Páginas: 336
Assunto: Thriller psicológico



Aos 16 anos, Daniel Crawford possui grandes expectativas para o verão devido ao curso preparatório para a faculdade que fará em New Hampshire College Prep, toda sua empolgação é drenada ao chegar no local e descobrir que o dormitório onde deveria ficar está em reforma, todos que fazem parte do programa de verão terão que se alojar em uma macabra construção desativada, onde era um antigo sanatório.

"Em um mundo enlouquecido, os loucos se tornam os únicos sãos."

Após passar a primeira má impressão do local onde passaria as últimas semanas, Dan conhece Félix Sherida, seu companheiro de quarto e faz amizade com Abby e Jordan.

Logo em seu primeiro dia descobre que atrás de uma porta aparentemente lacrada existe a sala do diretor do sanatório, após livrar-se do cadeado Dan e os amigos adentram a misteriosa sala, onde não somente documentos estão empilhados, mas também existem fotos dos pacientes que ali viviam.



"A loucura é algo relativo. Depende muito do lado da grade em que a pessoa está."

ex-sanatório Brooklyne é motivo de brigas na cidade, todos querem que o prédio seja demolido. As pessoas que ali viviam tinham algo em comum além da loucura todos eram criminosos.

Fascinado com a história do hospício Dan decide aprofundar suas pesquisar, criando uma obsessão por respostas, quando fatos estranhos começam ocorrer entre os estudantes.

Estaria ele se envolvendo com algo perigoso? Qual relação entre seu misterioso passado e os estranhos acontecimentos em Brooklyne?


"Dan se virou para o lado e olhou para o relógio. Caso sua luta fosse mesmo contra sua loucura, ele sentia que estava perdendo. Ou talvez já estivesse definitivamente derrotado."

Com uma narrativa envolvente, o livro começa nos apresentando os fatos gradativamente, a escrita é simples, pois é voltada ao publico jovem.

O suspense que envolve a trama é surpreendente, o livro me ganhou nas primeiras páginas. A leitura é fluída e mesmo ao término é impossível não passar semanas com o enredo fervilhando em sua mente, acredito que o fato de ter imagens faz com que a tensão seja palpável.

A história vai evoluindo entre pesadelos, assassinatos, bilhetes misteriosos. Mesmo sendo o primeiro livro de uma trilogia temos algumas curiosidades sanadas, porém a autora deixa muito em aberto para a continuação, isso se nosso psicológico aguentar tamanha pressão.


"Nunca houve uma mente brilhante sem um toque de loucura."



P.S. As imagens reproduzidas no livro são fotomontagens criadas pelo Faceout Studio com base em imagens de manicômios reais.

2 comentários:

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".