segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Livro: Colega de quarto





Literatura Brasileira


Autor: Victor Bonini
Editora: Faro Editorial
Páginas: 280
Assunto: Policial

universitário carioca Eric Schatz, ao mudar-se para São Paulo para estudar direito, passou a morar sozinho em um luxuoso apartamento no condomínio Royal Residence.

Apesar de não ser uma pessoa sociável, nunca teve problemas com os vizinhos, tinha contato com poucos, conhecia por nome menos pessoas ainda. Joga tênis com Dênis, que realmente não saberiam dizer se essa relação poderia ser chamada de amizade, namorava Michelle e mantinha a amizade de infância com Zeca.

Tudo caminhava perfeitamente até que uma escova de dente desconhecida apareceu em seu banheiro, para seu espanto um chinelo também passou a estar em seu quarto de hóspede. Quando luzes começaram a ascender durante a madrugada, micro-ondas e descarga misteriosamente ganharem vida Eric entrou em desespero.


"... A situação é a seguinte: já há alguns dias, tenho a impressão de que… bem… de que não estou mais morando sozinho em meu apartamento."

Convencido que seu colega de quarto é real, decide procurar ajuda com um psicólogo, em um momento mais desesperado busca um detetive particular. Nada parece fazer sentido, uma ligação no meio da madrugada para o detetive Conrado, que acabara de conhecer e um trágico fim.

Na fatídica manhã de sexta-feira, o jovem milionário Eric Schatz pula da janela de seu apartamento do décimo quinto andar. O "Colega de quarto" é real ou seria paranoia do estudante? 

"Sempre encarei o suicídio como um desvio de personalidade. Pessoas fracas é que desistem de tudo, pessoas fracas é que resolvem se esconder dos problemas. Só os fracos são covardes o suficiente para se suicidar e fugir da realidade. São como aqueles românticos de antigamente que pregavam um escapismo patético para se verem livres dos desafios. Mas aí vai uma verdade para os românticos que existem ainda hoje: a vida é feita de desafios e só os fortes têm a capacidade de derrotar os obstáculos. Isso é óbvio."

Narrado em terceira pessoa, a trama nos mostra o desenrolar da história de uma forma simples, todavia cabe ao leitor ter a perspicácia de ligar os fatos.

Confesso que desconfiei de tudo e de todos durante a leitura, menos do culpado, sim eu sei que não sou a pessoa com a maior facilidade em desvendar esses enigmas, mas a forma que o autor conduziu o livro conseguiu me surpreender no final. Sim, o desfecho foi algo realmente surpreendente.

Criar uma história no mesmo padrão da famosa autora Agatha Christie foi o que me encantou na narrativa, o autor conseguiu criar personagens realísticos, uma trama convincente mesmo tendo a tecnologia para atrapalhar.

Entenda, em momento algum estou desmerecendo os livros da Agatha, são incríveis, sou completamente apaixonada pela escrita da autora, mas quando ela escrevia era mais fácil criar o ambiente propício, hoje a tecnologia pode fazer a trama parecer fora da realidade, ai entra o principal motivo do livro ter ganhado meu coração, o autor conseguiu colocar a tecnologia a seu favor, criou o ambiente perfeito e deu um desfecho memorável.

Lembrando que este é apenas o livro de estreia do Victor Bonini, espero poder acompanhar outros romances de sua autoria. O livro entrou para minha lista de favoritos, não é algo para sair contando porque o risco de deixar um spoiler passa é grande, então só posso convidá-lo a fazer a leitura.


"O detetive sentou-se na sala e fechou os olhos por um segundo. Sentiu o silêncio tocar-lhe o corpo, o cheiro de abandono arrepiar seus pelos. Viu-se impelido a abrir os olhos novamente para lutar contra os calafrios."


Um comentário:

  1. Comecei a ler por tua causa, e estou adorando o livro! haha <3
    Um ótimo romance policial/ suspense psicológico.

    Abraços,
    rainhadaepifania.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".