quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Leiturinhas: Fugindo das garras do gato




"O gato malvado está ameaçando os ratinhos do celeiro da fazenda bem na época do Natal! O que eles podem fazer para se defender? Cada rato tem uma ideia... Como vão escolher a melhor?"





Título original: How to avoid the terrible cat
Autora: Choi Yun-Jeong
Ilustração: Kim Sun-Yeong
Tradução: Thais Rimkus
Páginas: 38
Editora: Callis
Coleção: Tan tan

O livro conta a história dos ratinhos que moravam no celeiro da fazenda num esconderijo secreto onde tinha muita comida e feno macio.

Eles receberam uma mensagem do gato malvado e não ficaram felizes como antes. Então eles decidiram pendurar uma coisa no pescoço dele para saber quando o gato malvado ficava por perto.
Tinham que escolher entre uma coisa com cheiro, que ilumina e faz barulho. Eles também decidiram uma coisa leve ou pesada. Para escolher eles fizeram uma votação que virou uma loucura, depois eles organizaram a bagunça que eles tinham feito e escolheram o certo.
Eu aprendi que precisamos fazer uma votação pra escolher a melhor opção igual quando escolhe presidente.
(Texto escrito por Kathleen Lanai - 8 anos)


Indicação:
Acima de 8 anos

Ao realizar a leitura com uma criança é importante faze-la vivenciar as situações sugeridas pelo livro, para que ela possa entender a relação entre o objeto e sua representação gráfica.

Se você é professor explore o assunto com calma e paciência, faça a criança entender a importância de seu voto para a construção de um todo com atividades participativas, esse trabalho servirá de base para o entendimento de estatística e probabilidade.

Se a leitura for feita em casa, explore também o conteúdo, faça um gráfico com guloseimas, brinquedos ou até mesmo entre as cores dos blocos de montar.

É importante mostrar que o que está se aprendendo faz parte do cotidiano, que está presente em jornais, revistas, em programas de televisão.

Como podemos observar no texto, a Kathleen logo associou a situação do livro às eleições presidenciais, que tal realizar uma eleição e eleger um mascote para sua sala de aula ou para sua família? (calma não precisa transformar a escola/casa em zoológico, sempre podemos contar com os bichinhos de pelúcia).


0 comentários:

Postar um comentário

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".