sexta-feira, 25 de abril de 2014

Crônicas: Simplesmente Ela



Linda, doce, carinhosa, amiga, generosa, conselheira...

São tantas e, ao mesmo tempo, tão poucas as palavras para defini-la.

Seu sorriso é, e sempre será, minha companhia. Em seu colo sempre me senti segura e, ao seu lado sempre soube que cresceria preparada para tudo.

A difícil infância a fez ainda mais bela. O que a vida lhe restringiu, ela sabe dar sem qualquer reserva. Por isso, com ela aprendi que, não é preciso ganhar para ter o que dar, na verdade, aquilo de mais valioso que temos para dar vem de nós mesmos, da nossa essência.

Ela, esposa capaz de manter acesa no mesmo homem uma paixão que perdura por 60 anos. Ela, mãe sinônimo de Amor. Ela, avó que sempre soube fazer esse papel com maestria. Ela, bisavó que provoca verdadeiro fascínio sobre os frutos da extensão de seu ventre... Ela, um verdadeiro presente para todos nós.

Sua serenidade diante da vida se traduz nas poucas rugas em seu rosto, que traz como moldura os cabelos de índia, os mesmos que um dia, lá no bonde do passado, fizeram meu avô cantar a música que eu ainda o ouço cantar nos dias de hoje: “Índia seus cabelos nos ombros caídos, negros como a noite que não tem luar, seus lábios de rosa para mim sorrindo, e a doce meiguice desse seu olhar...”.






Quem a conhece sabe que por traz desse seu jeitinho mais retraído existe um coração aberto, sempre pronto para amar e se entregar.

Quem dera meu Deus, quem dera eu chegar aos meus 80 anos na plenitude em que Ela se encontra agora, cheia de sonhos que pulsam e cercada de vários amores.

Simplesmente Ela, suave até no nome... Simplesmente Elza.

E é para Ela, minha Vó, que faço não uma crônica, mas uma carta de Amor.
Eu te amo vó e sei que vou te amar por toda a eternidade.


Médica e autora do livro: Perfume de Hotel
contato@carlasgpacheco.com

5 comentários:

  1. O.O Que lindo, muito bonito. Eu adorei isso, essa crônica foi muito linda. Pode dizer para a sua avó que eu tô mandando um abração para ela, porque deve merecer mesmo cada uma dessas palavras.
    Um abração,
    ||TERRA DE FAGULHAS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michael,
      Ela merece mesmo, cada pedaço. Vou mostrar seu recadinho pra ela.
      Obrigada pelo carinho.
      Abração pra você também!

      Excluir
  2. Crônica lindíssima. Uma verdadeira prova de afeto.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de Abril

    ResponderExcluir

IMPORTANTE

- Não utilize esse espaço para divulgar resenhas e promoções (existe outras maneiras de divulgar seu trabalho), comente e deixe o link do seu blog que irei visitar;

- Os comentários são muito bem vindos e importantes, pois enriquecem o conteúdo;

- Se você quer receber a resposta por e-mail, assine com a sua Conta do Google e marque a caixa "Notifique-me".